“Nublado com chance de anarquia”

No começo era um texto mais dramático, com quatro páginas e “muito chato”, como lembrou Erick Massoto de Almeida ao descrever a gênese de “Nublado com chance de anarquia”, com o qual participou da sexta edição do concurso Contos do Rio, promovido pelo caderno Prosa & Verso. Erick conseguiu perceber a tempo, porém, que o melhor do conto estava em seu final bem-humorado. E foi assim, enxugando e revirando o texto de cabeça para baixo, que ele conquistou o primeiro lugar no concurso, levando um prêmio de R$ 3 mil.

aqui

Leia o conto vencedor aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo