“O socialismo é uma doutrina triunfante”

Entrevista

Aos 93 anos, Antonio Candido explica a sua concepção de socialismo, fala sobre literatura e revela não se interessar por novas obras.

aqui

Comentários

Há 9 comentários para esta postagem
  1. Marcos Silva 14 de julho de 2011 20:26

    Uau!

  2. nina rizzi 14 de julho de 2011 17:57

    Eu acho que não devo perder. Nem tivesse frígida, a poema.

    E a entrevista é mesmo demais! Vida longa ao Antonio Cândido e ao Brasil de Fato!

  3. Jarbas Martins 14 de julho de 2011 14:14

    atenção, em conversas recentes com Carlos Gurgel chegamos a uma conclusão: vamos sugerir a Eduardo Alexandre e ao poeta Francisco de Sales Felipe a fazer o Sarau de Poesia Erótica em um reduto dito nobre pela resistente burguesia.Teatro Alberto Maranhão ou o Teatro Riachuelo.que acham?

  4. Jarbas Martins 14 de julho de 2011 14:08

    e eu nunca mais falei de Ferreira Gularte

  5. Jarbas Martins 14 de julho de 2011 14:06

    a vantagem de quem vai ficando velho é saber o que os outros, pouco mais velhos, vão dizer.não li mas gostei.

  6. Bethânia Lima 14 de julho de 2011 13:57

    Essa entrevista está ótima. Resolvi comprar o jornal p ter o prazer de guardar a entrevista (ter o papel comigo ainda é uma mania). Uma aula de literatura, política, história…
    Candido também está na Caros Amigos do mês…

  7. Luiz Penha 14 de julho de 2011 12:30

    Concordo e acho, inclusive, que ele dá sinais do que se poderia chamar de terceira via política.

  8. José Saddock de Albuquerque 14 de julho de 2011 11:45

    Antônio Cândido nos dá a certeza de que existem homens imprescindíveis. Ele é um deles. Aos 93 anos, com lucidez e otimismo, desfralda-nos lições de liberdade como se fosse a nossa própria bandeira… Ótimo artigo!

  9. Tácito Costa 14 de julho de 2011 11:35

    Maravilhosa essa entrevista do Antonio Cândido. Leiam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo