1985- Rock Rio, nosso de cada dia

Por Nando José

Acaba a ditadura,o BRASIL começa a respirar a tão sonhada liberdade,queriamos protestar,gritar,mostrar que estamos vivos,que o BRASIL era nosso,as nossas expressões tão truncadas pelas armas, em breve seriam mostradas ao mundo ,nasce das mãos de Roberto Medina,o tão sonhado “woodstock tupiniquim” surge a cidade do rock,e nomes consagrados da música mundial e nacional,iriam celebrar a nossa tardia liberdade dos nossos opressores,nomes como Iron Maiden (foto),Scorpions,Queen,James Taylor,bandas nacionais como Blitz,Kid Abelha,cantores como,Ivan Lins,Alceu Valença,Morais Moreira,entre tantos outros, e ao completar 25 anos,eu me lembro da vontade de ver um show dessa magnitude,não tinha dinheiro,tinha 21 anos e liso,o jeito foi assistir pela televisão e como destilou Nelson Motta no jornal da globo, na madrugada do dia 16 de janeiro de 2010 “sem liberdade o rock não rola”eu digo “viva a música nossa de cada dia”

http://nandojosepoetaescritor.blogspot.com

ao topo