3 dias de shows (2 gratuitos) na programação do 4º MPBJazz; confira

O 4º MPBJazz, tal qual o Fest Bossa e Jazz, em Pipa, só cresce a cada ano e promovem o intercâmbio de artistas potiguares e americanos.

Valéria Oliveira, idealizadora e atual curadora, sobe ao palco no primeiro dia do evento, dia 27 de novembro, ao lado dos grandes amigos do trio Candeeiro Jazz, formado pelos talentosos Jubileu Filho, Sérgio Groove e Zé Hiton. Show no Teatro Riachuelo e é o único show pago. O ingresso vai de R$ 40 a R$ 60, mas basta apresentar a conta de luz da Cosern em dia e paga a meia entrada.

O show do Candeeiro com Valéria Oliveira traz ainda a participação de Aurora Nealand, a grande sensação da 3ª edição do MPBJazz e ainda homenageia duas importantes cantoras potiguares: Ademilde Fonseca e Terezinha de Jesus.

Na mesma noite, o público será brindado com o show “New Orleans in Concert” com a participação especialíssima da diva do Jazz, Jewel Brown. Nascida em Houston, no Texas, Brown conquistou fama admiração na década de 50, quando cantou inúmeras vezes ao lado de Louis Armstrong. Gerald French, baterista, que foi um dos maiores destaques da 3ª edição do MPBJazz, também volta para apresentar o toque suave de sua bateria e a emoção da sua voz.

O sábado, dia 29, Aurora Nealand realiza oficina de clarinete para a Filarmônica Maestro Felinto Lúcio Dantas, de Acari, no espaço Folha das Artes, no Parque das Dunas, em Natal. No período da tarde, a Filarmônica abre o segundo dia de apresentações, às 16h, tocando no Anfiteatro do Parque das Dunas, onde Aurora Nealand se apresenta com as participações especiais do pianista Tom McDermott e do multi-instrumentista potiguar Antonio de Pádua.

No dia 30 de novembro, encerrando o 4º MPBJazz, Michaela Harrison se apresenta na Cidade das Crianças com as participações de Valéria Oliveira e Jubileu Filho. Michaela é dona de uma voz primorosa e singular, assim como o seu jeito de cantar.

HISTÓRICO
Desde 2011, já passaram pelo palco do MPBJazz Valéria Oliveira, Simona Talma, Candeeiro Jazz, Duo Taufic e a Jazz Street Band, de Natal. The Ella & Louis Tribute Band, Eilleina Dennis, Leon “Kid Chocolate” Brown, Aurora Nealand, Germaine Bazzle, Tricia Boutté e a 504 Experience de New Orleans.

Além das apresentações musicais, o MPBJazz preza pela inclusão e pela realização de ações sociais voltadas para pessoas com pouco acesso ao teatro. Na última edição, a Green Point Produções, realizadora do evento, levou gratuitamente pacientes do Severino Lopes e alunos da Atitude Cooperação ao Teatro Riachuelo.

O MPBJazz promove também oficina musical para alunos de projetos sócio-culturais. Nas edições anteriores, a diva do Jazz de New Orleans, Germaine Bazzle, comandou as oficinas para jovens da ONG Atitude e Cooperação, no bairro do Bom Pastor, e da Ilha de Música na Comunidade da África, ambas em Natal. Agora, será a vez de Aurora Nealand promover uma oficina para a Filarmônica de Acari.

Adendo: O blogueiro corrigiu o post. Tinha colocado os três shows gratuitos. Mas o projeto foi aprovado na categoria patrocínio e tem investimento de 20%. Ficou previsto no projeto dois shows e estão sendo promovidos um terceiro. Então, por menos que seja a bilheteria, já ajuda nos custos do projeto.

Jornalista por opção, Pai apaixonado. Adora macarrão com paçoca. Faz um molho de tomate supimpa. No boteco, na praia ou numa casinha de sapê, um Belchior, um McCartney e um reggaezin vão bem. Capricorniano com ascendência no cuscuz. Mergulha de cabeça, mas só depois de conhecer a fundura do lago. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo