A escrita de um homem vulnerável

Compilação de 6 mil cartas de Ernest Hemingway, que cometeu suicídio há 50 anos, desmonta o mito de macho orgulhoso e insensível em torno do qual se fixou a imagem do vencedor do Nobel de 1954.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo