A irada estrela do Goncourt

“Há muito de Franz Kafka no novo trabalho de Marie NDiaye, Coração Apertado – relato de um casal de professores atormentado pelo sentimento paranoico de perseguição -, que chega ao País”.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − nove =

ao topo