A Miséria do “Voto Útil”: Em defesa do Voto Nulo no Segundo Turno

Por Alyson Freire
NA CARTA POTIGUAR

No Brasil, podemos afirmar, as eleições não são mais uma novidade. Desde a Constituição de 1988, elas ocorrem num intervalo de dois e dois anos. O voto – a avaliação e a escolha dos mandatários do poder – tornou-se, portanto, uma experiência mais ou menos familiar aos brasileiros. Em outras palavras, não foi apenas ao calendário que a experiência social e cognitiva do voto foi incorporada, mas à própria cultura política brasileira e aos esquemas mentais dos brasileiros.

aqui

Comments

There is 1 comment for this article
  1. Alex de Souza 16 de Outubro de 2012 18:18

    não vou me dar o trabalho sequer de gastar com a passagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP