A outra arte de Kubrick

Por Luiz Zanin

Em 1945 um rapaz de 17 anos levou uma foto à revista Look. Era a imagem da reação do dono de uma banca de jornais diante da notícia da morte de Roosevelt. A revista a comprou por US$ 25 e a publicou no dia 26 de junho de 1945. No ano seguinte, o jovem foi contratado e, a serviço da Look, bateu cerca de 12 mil fotos durante cinco anos. A exposição no Palazzo Cavalli Franchetti, à beira do Canal Grande em Veneza, reúne 200 dessas imagens. São magníficas. O nome do aprendiz de fotógrafo? Stanley Kubrick, que passaria anos lidando com imagens paradas antes de colocá-las em movimento e tornar-se o cineasta genial que conhecemos.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 5 =

ao topo