A pintura como espelho de um mundo em transformação

Por Luciano Trigo

Capa

Publicado originalmente há quase 50 anos, o ensaio Caravaggio, do crítico e historiador de arte italiano Roberto Longhi (Cosac Naify, 158 pgs. R$79), continua sendo a referência inescapável no estudo da vida e da obra do pintor milanês Michelangelo Merisi (1571-1610), conhecido pelo nome da aldeia natal da família de sua mãe, Caravaggio. O livro chega ao Brasil enriquecido pelo elucidativo texto de apresentação de Lorenzo Mammi e pelo projeto gráfico impecável, que já é uma marca registrada da editora Cosac Naify.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo