A violência no Irã

Caro Tácito, o vídeo que circulou (continua circulando) o mundo mostrando a morte da jovem Iraniana Neda mostrava duas pessoas ao lado dela tentando socorrê-la depois de levar um tiro no coração. Um dos homens era um médico, amigo do escritor Paulo Coelho. O escritor agora liberou a correspondência entre ele e o medico pouco depois do ocorrido. Segue os trechos da correspondência.

Médico amigo de Paulo Coelho consegue fugir do Irã após socorrer Neda
Domingo 21 23h11m

Querido Arash,
Eu preciso saber onde você está, se as coisas que estou vendo/lendo são verdadeiras. Então, eu posso tomar uma posição – dependendo do seu informe, é claro.
Amor
Paulo

Segunda 22 2h05m
Querido Paulo,
Eu estou agora em Teerã. O vídeo do assassinato de Neda foi gravado por meu amigo, e você pode me reconhecer no vídeo. Eu era o médico que tentou salvá-la e falhou. Ela morreu em meus braços. Estou escrevendo com lágrimas nos meus olhos. Por favor, não mencione meu nome. Eu vou te contactar com mais detalhes em breve
Amor
Arash

Segunda 22 17:46
Querido Arash
Até agora, nenhuma notícia de você. Depois que publiquei o vídeo no meu blog, parece que ele se espalhou pelo mundo, incluindo posts no New York Times, Guardian, National Review, etc.
Portanto, minha preocupação agora é com você. Você PRECISA responder este mail, dizendo que está tudo bem e o nome da pessoa com quem passamos juntos a véspera do Ano Novo em 2001, apenas para ter certeza que é realmente você que está respondendo ao e-mail. Eu não comprei essa pessoa da CNN respondendo o seu celular.
Se você não fizer isso, posso vazar o seu nome para a imprensa, para te proteger – visibilidade é a única proteção neste ponto. Eu sei disso porque eu sou ex-prisioneiro da consciência. Se eu fizer isso, a não ser que você me instrua ao contrário, vou parar de te pressionar por agora. Minha maior preocupação é com você e sua família.
Love
Paulo
P.S. – há vários amigos confiáveis em cópia oculta aqui

Terça, Junho 23, 2009 1h35m
Querido Paulo
Está tudo bem por agora. Não estou ficando em casa. Não sei nada sobre a CNN. O nome do amigo era Frederick
Amor
Arash

Terça, Junho 23, 2009 1h37m
Querido Paulo,
Tentando sair do país amanhã de manhã. Se eu não chegar em Londres ás duas da tarde, alguma coisa aconteceu comigo. Até lá, espere.
Minha esposa e filho estão em (editado). O telefone deles (editado) O email dela (editado)

Por favor, espere até amanhã. Se alguma coisa acontecer comigo, por favor, tome conta de (nome da esposa) e (nome do filho), ele estão lá, sozinhos, e não tem mais ninguém no mundo. Muito amor, foi uma honra ter você como amigoArash

Quarta, 24 de junho, 2009 13h55m
Arash aterrissou em Londres

ao topo