.antropofagia,

.ao movimento antropofágico brasileiro, em especial aos artistas potiguares, Jarbas Martins, Moacy Cirne, Falves Silva e aos que pegaram carona no movimento livre e alternativo de escrever e viver a arte,

——————————————————————antropofagia,

aba
porú
tupi
or
not
tupi
tarsiwald
tarsila
amora
amorável
d’amaral
drummond
andrade
minas
itabira
bira
mira
alvo
transparente
branco
blanco
octávio
paz
a
espécie
poética
que
lavra
e
ara
a
palavra
ao
encontro
da
alma
literária
de
si
mesmo
de
todos
nós
antropofagia
arrote
o
egoísmo
inumano

Comments

There are 3 comments for this article
  1. Anchieta Rolim 17 de Outubro de 2013 18:37

    Valeu, poeta!

  2. Cíntia Oliveira 18 de Outubro de 2013 8:19

    O poema está realmente lindo. Plasticamente bem construído.

  3. Oreny Junior 18 de Outubro de 2013 16:21

    Obrigado, Anchieta, Cíntia pelos comentários. Mui grato,
    Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP