Após dois anos de discussão, Prefeitura entrega Plano Municipal de Cultura

Fruto de um trabalho multidisciplinar que demandou quase dois anos de esforços e debates com a população, a Prefeitura do Natal entrega nesta segunda-feira (6) o Plano Municipal de Cultura, documento histórico e inédito na cultura da cidade com o planejamento estratégico para os próximos dez anos para o segmento cultural e também parte integrante do futuro Sistema Municipal de Cultura.

A solenidade de entrega do PMC acontecerá no Salão Nobre do Palácio Felipe Camarão, quando o prefeito Carlos Eduardo encaminhará o documento à Câmara Municipal de Natal.

A Prefeitura do Natal assinou o acordo de cooperação para integrar o Plano Nacional de Cultura em fevereiro de 2013 com a presença da então Ministra da Cultura, Marta Suplicy. Desde então a Prefeitura organizou e promoveu a Conferência Municipal de Cultura, os fóruns, a criação dos grupos de trabalho temáticos e dezenas de reuniões nas quatro regiões administrativas da cidade com participação da sociedade e segmentos da cultura — tudo dentro do cronograma previsto para a elaboração do PMC.

“O Plano Municipal de Cultura coloca Natal de acordo com as orientações do Plano Nacional de Cultura, do Ministério da Cultura. Ele representa um histórico avanço na construção e participação democrática nos processos de elaboração e implantação de políticas públicas na área da cultura para Natal”, comenta o secretário de Cultura de Natal, Dácio Galvão.

O PMC é composto de eixos temáticos que vão desde patrimônio e memória, à democratização do acesso, acessibilidade e sustentabilidade, passando pelos serviços e produtos culturais, formação, qualificação da cadeia produtiva da cultura, gestão e serviços culturais ofertados à população. “É fruto da participação da classe artística, da comunidade e também daqueles participam das atividades culturais dentro dos setores da economia criativa”, avaliou Dácio Galvão.

O gestor lembra que assim como a criação da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), também era um compromisso da Prefeitura do Natal a realização das Conferências Municipais para formatar e criar o Plano. Ambos são, atualmente, uma realidade. Hoje, com o lançamento deste documento, Natal é participante de um momento histórico na cultura da cidade. “Avançamos cada vez mais para ampliar a democratização; o acesso aos recursos públicos para a cultura e sua descentralização em benefícios para da população”, avalia Dácio Galvão.

O PMC passou por consulta pública online durante 90 dias, discussões com inserção dos conteúdos disponíveis para a população e participação da população nos encontros presenciais nas quatro regiões administrativas com média de participantes por cada região de 500 pessoas.

No total, 22 integrantes participaram da elaboração do Plano Municipal de Cultura com seis eixos temáticos, 6 capítulos, 20 estratégias e 47 ações para os próximos 10 anos (2016/2026).

Após a realização da Conferência Municipal de Cultura, aconteceu a etapa de mobilização (de 8 a 29 de outubro de 2014), seguida da sistematização dos trabalhos por GTS (29 de outubro de 2014 a 5 de maio de 2015). Depois vieram os encontros com a população nas quatro regiões administrativas da cidade.

Na Zona Norte os encontros aconteceram nos bairros Nossa Senhora da Apresentação/Lagoa Azul (Fundação Fé e Alegria) e Redinha (Escola Municipal Noilde Ramalho). Na Zona Sul, no Conjunto Mirassol, as reuniões ocorreram na sede do Conselho Comunitário; no Conjunto Pirangi – sede do Tecesol. Em Ponta Negra, foi realizado na sede do conselho comunitário da Vila. Os fóruns da zona Leste ocorreram na Cidade Alta – no Instituto Federal de Educação e nas Rocas, na sede do bloco Carcará. Na zona Oeste, a Cidade da Espera teve reuniões na escola Estadual Celestino Pimentel e, em Bom Pastor, na associação do bairro; em Felipe camarão, na Fundação Fé e Alegria.

(Foto: Wellington Rocha)

Comments

There is 1 comment for this article
  1. Adeilza Gomes da Silva 3 de Junho de 2016 16:00

    Escola MUNICIPAL Celestino Pimentel

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP