Aquarela de Pedro Américo

Imagem inline 1

De Alberto Lacet, por e-mail:
Amigos, adquiri (com muito esforço, diga-se) esta obra do, pode-se dizer, verdadeiro herói paraibano, que foi o artista, pensador e Homem de ciência Pedro Américo. O meu amigo Fernando Monteiro, me enviou este email abaixo, o qual exibo sem falso orgulho. abs

*********

Beleza de aquisição, Lacet!

Meus parabéns. Dinheiro serve só para arte, livros, vinho & rosas — mais nada.

Você faz muito bem em comprar belas coisas para as quais olhamos, de noite e de dia, na solidão das nossas vidas fora da vulgaridade dos que sonham comprar, um dia, algum iate descascado chamado “Lady Laura II” etc etc…

Grande e fraterno abraço.

Fernando

Comentários

Há 13 comentários para esta postagem
  1. Pingback: Substantivo Plural » Blog Archive » Pedro Américo
  2. alberto lacet 5 de maio de 2013 18:48

    Gostaria de agradecer a Edjane pelo “de arrepiar”. Levemos em conta que para essa aquarela de 130 anos, o atual estado de descoloração não está avançado como poderia, conheço algumas de 40 anos que praticamente sumiram…ao que parece a obra permaneceu esse tempo todo numa residencia em Niterói, longe dos olhos do público, e que para traze-la ao conhecimento será necessaria boa oportunidade, pois me acho, como legitimo depositário dela, na obrigação de tomar-me de cuidados para com sua integridade. Vou trocar a moldura em que está por outra, de padrão museológico (materiais de ph neutro, vidro anti-reflexo e anti-raios infra-vermelho, etc,etc,). Aproveito aqui para falar da cara-de-pau dos que afirmam que o Artista Pedro Américo tem toda sua obra catalogada, e que esta que apareceu é até suspeita…está catalogada aonde, por quem? em que ano foi feito esse trabalho? viajaram a Londres, Florença, Paris, onde o artista passou largos períodos da vida? é brincadeira…será que se referem a alguma teses academicas sobre assuntos parecidos?
    Mauricio, há um mes atrás fui a uma palestra sobre o Pedro Américo, proferida pelo artista Alvaro Neves na instituição Dante Alighieri, e já no outro dia recebia telefonema de um jornalista me pedindo alguma opinião sobre o dito pintor, e para maior surpresa minha, recebia 2 dias depois, telefonema do Rio de Janeiro, de um amigo e colecionador me perguntando se eu tinha interesse em adquirir uma obra dele… pensei tratar-se de uma brincadeira, alguma pegadinha…mas a verdade é que uns 15 dias depois o quadro estava em minha parede. O esforço que fiz, foi, logicamente, o de levantar o recurso, pois o amigo sabe que isto não cai do ceu.

  3. Edjane Linhares 3 de maio de 2013 17:31

    Linda a aquarela. E ainda conheci o trabalho de Lacet (http://artelacet.blogspot.com.br/). ‘O céu na terra’ é de arrepiar.
    Valeu, Tácito.

  4. Lívio Oliveira 3 de maio de 2013 17:23

    Acabei de avistar lá no vasto horizonte do meu e-mail a suavidade e a leveza das cores da obra de Pedro Américo, aquela mesma que foi adquirida por Lacet. Obrigado, grande Tácito! Eu estava cego e não enxergava!

  5. Bethânia Lima 3 de maio de 2013 17:01

    eu tb não visualizo, li o texto na quarta-feira e deixei pra lá a imagem…pensava que era problema geral…

  6. Lívio Oliveira 3 de maio de 2013 16:36

    Obrigado, Edjane. Mas, já pelejei pra ver o tal do quadro de Pedro Américo (sou admirador do artista) de todas as formas, em todos os computadores possíveis, com todos os programas, mandingas, rezas… já botei o iPad de cabeça pra baixo, o monitor do PC contra a luz, lente de aumento, microscópio, telescópio, luneta de pirata e….nada! Tchapralá!!!

    • Tácito Costa 3 de maio de 2013 16:52

      Lívio, enviei o quadro pra você por e-mail. O mesmo que recebi de Lacet. Não faço idéia porque não está visível nos seus equipamentos. Vou enviar também pra Edjane.

  7. Edjane Linhares 3 de maio de 2013 15:35

    Talvez, Lívio, seja o Google Chrome, também não consigo visualizar.

  8. Lívio Oliveira 3 de maio de 2013 8:56

    Vou tentar novamente, Tácito. Valeu!

  9. Lívio Oliveira 3 de maio de 2013 7:41

    Fiquei curioso, mas ainda não consegui visualizar o arquivo de imagem. Não está aparecendo ou é o meu equipamento?

    • Tácito Costa 3 de maio de 2013 8:52

      Lívio, chequei agora, entrando pelo Mozilla e pelo Explorer e apareceu normalmente.

  10. Maurício Carneiro 1 de maio de 2013 19:52

    Alberto,

    Legal, muito legal a tua aquisição!

    Creio ser uma emoção grande um pintor contemporâneo adquirir uma obra de outro das antigas e de quem se do admira a obra e a pessoa.

    Conta-nos a história dessa obra, de tua aquisição e do “muito esforço”, como falaste. Como chegaste e esta obbra específica? É uma aquarela, om óleo? Qual o nome?

    Abraços e parabens.

  11. Marcos Silva 1 de maio de 2013 13:57

    Parabens pela aquisição, aconselho a exibição pública dessa obra para que ele não se restrinja à fruição pessoal e de amigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo