Berlim e avestruzes

Caros amigos:

Há comemorações referentes aos 20 anos de queda do Muro de Berlim, obra conjunta de URSS e EEUU no pós-guerra. Sim, era um símbolo idiota da Guerra Fria e devia ter caído antes. O problema que sinto é comemorarmos a queda de um muro e esquecermos outros muros que continuaram a ser erguidos – Zona Sul carioca, fronteira EEUU/México etc. É como o Holocausto nazista: temos sensibilidade e até indignação para o horror do passado, fechamos os olhos para os horrores em andamento. Avestruzes enterram a cabeça quando sentem perigo, como se sabe. Nosso refúgio humano é o passado?
Abraços:

Nasci em Natal (1950). Vivo em São Paulo desde 1970. Estudei História e Artes Visuais. Escrevo sobre História (Imprensa, Artes Visuais, Cinema Literatura, Ensino). Traduzo poemas e letras de canções (do inglês e do francês). Publiquei lvros pelas editoras Brasiliense, Marco Zero, Papirus, Paz e Terra, Perspectiva, EDUFRN e EDUFRJ. Canto música popular. Nado e malho [ Ver todos os artigos ]

Go to TOP