Borges, “el Julio Verne del siglo XX”

“María Kodama, viuda del escritor, definió así anoche al autor de Ficicones tras inaugurar la cátedra libre Jorge Luis Borges en la Facultad de Filosofía y Letras de la Universidad Nacional de Cuyo, en Mendoza”.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − um =

ao topo