Brincadeiras

bruegel
(Tela “Jogos Infantis”, do flamengo Pieter Brueghel – 1560)

Roubava bandeira,
Fazia um gol,
Invadia o garrafão,
Pulava corda,
Gritava “batida salve eu”
Para chegar no céu…
Da amarelinha,
Como “seu rei mandou”.

(Danclads Lins de Andrade).

Brasileiro, nordestino, alagoano, advogado, cidadão comum, simples habitante deste planeta decadente... Rs... [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Há 8 comentários para esta postagem
  1. Danclads Andrade 30 de agosto de 2011 13:03

    Romana, sinto-me lisonjeado com seu comentário. É verdade, quando éramos crianças éramos todos poetas… Abraços.

  2. Danclads Andrade 30 de agosto de 2011 13:02

    Da Mata, que boa notícia! Vou arranjar um tempo e passar lá. Abraços.

  3. Romana Alves Xavier 30 de agosto de 2011 7:11

    Brincar é voltar ao tempo em que erámos todos somente poetas… Bom demais seu poema!!! Adorei!!!

  4. Danclads Andrade 29 de agosto de 2011 19:26

    Da Mata, também gosto desse quadro de Brueghel. Mando lembranças sim, em Ednar e Julinha e vou dizer a Julinha que mande seus poemas e desenhos. Abraços.

  5. Danclads Andrade 29 de agosto de 2011 19:23

    Anchieta, é bom saber que minha poesia provoca estes regressos ao passado. Obrigado.

  6. João da Mata 29 de agosto de 2011 14:29

    Amigos,

    Chegaram mais livros em promoção na Cooperativa do Campus da UFRN.
    Livros maravilhosos ao preço de R$ 19,99. Gramsci , Neruda, Hemingway, Idade Média, Historia, etc

  7. João da Mata 29 de agosto de 2011 14:10

    Danclads,

    Belo quadro que voce escolheu para ilustrar suas brincadeiros. Conheco-as bem outras ouvi….
    Adoro Pieter Brueghel. Amo esse quadro.
    Tem um outro quadro dele sobre provérbios.
    Parabens. Abraços fraternos.
    Lembranças a Ednar e Júlia.
    Diga a Julinha para colocar aqui os seus desenhos e poemas.
    To com saudades de todos

  8. Anchieta Rolim 29 de agosto de 2011 12:50

    Danclads, depois que li tua poesia, por alguns segundo fiz uma bela viagem no tempo, pena que logo tive que retornar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo