Cabrera Infante

cabrera infante“O mais obstinado opositor de Fidel Castro não dá descanso ao ditador nem morto. Guillermo Cabrera Infante (1929-2005) está de volta, desta vez para provar que ainda não surgiu, em Cuba ou outro recanto da América Latina, um escritor capaz de rivalizar com ele, nem mesmo Roberto Bolaño (1953- 2003), atualmente em voga. O chileno era bom, mas, quando se relê o primeiro romance de Cabrera Infante, Três Tristes Tigres (1964), obra-prima irreverente e revolucionária, conclui-se que Bolaño não passou de aprendiz de feiticeiro. Três Tristes Tigres é o primeiro livro do escritor relançado pela editora José Olympio (trad. de Luis Carlos Cabral, 518 págs., R$ 69). Ainda faltam títulos essenciais fora de catálogo e outros inéditos (os ensaios sobre o filme Blade Runner e os póstumos Corpos Divinos, A Ninfa Inconstante). Mas já é um começo.”

aqui

ao topo