Carnaval fora de época e festival gastronômico do Beco acontecerão juntos neste sábado

Crise e descrédito mudaram os rumos de dois tradicionais eventos do calendário cultural do Beco da Lama este ano. Se o Carnabeco surgiu há 14 anos sem cordas nem abadás como ironia ao elitismo do Carnatal, promovido sempre ao sábados do evento para concorrer com a poderosa Destaque, esse ano será diferente. Motivo? A crise financeira.

Se o Pratodomundo – o Festival Gastronômico do Beco da Lama – reunia mais de uma dezena de bares munidos de receitas de boteco criativas para concorrer à premiação do evento, que também trazia pelo menos duas atrações musicais, este ano a adesão confirmada é de apenas três bares, por enquanto e uma única atração musical ainda indefinida. Motivo? Descrédito e crise financeira.

12386618_1019644961414781_1061927727_nO carnaval fora de época do Beco ficou impossibilitado de acontecer no tradicional sábado de Carnatal por falta de dinheiro. Pela primeira vez em anos os dois eventos serão promovidos sem recursos das duas fundações de cultura. Havia a intenção da Zé Gugu disponibilizar R$ 3 mil. Mas o órgão, assim como todos os outros do executivo estadual, recebeu ordens para fechar o orçamento.

A solução de última hora foi arrecadar dinheiro junto a amigos e até mesmo do bolso do manda-chuva da Sociedade dos Amigos do Beco da Lama e Adjacências (Samba). E assim, Tarcio Fontenele conseguiu o montante necessário para pagar uma bandinha de frevo. Junto ao Sebrae/RN, ainda espera os recursos para pagar a premiação e uma atração musical no Pratodomundo, entre os dias 19 e 29 de dezembro.

Assim, a bandinha de frevo do Carnabeco estará concentrada a partir das 14h no Bar Encontro dos Boêmios (antigo Bar de Odete), no beco da lama, para fazer o percurso pelas ruelas do Beco e finalizar no Bar de Zé Reeira, quando a Velha Guarda do Samba fará seu show, por volta das 18h. Parceria providencial para incrementar a programação do carnaval fora de época.

Concomitante ao Carnabeco acontece o primeiro dia do Pratodomundo. Tarcio acredita que pelo menos quatro bares participarão. Até agora só três confirmaram. Ele ainda espera o montante definido pelo Sebrae/RN para convidar alguma atração musical para o segundo fim de semana do evento (o primeiro fecha com o samba em Zé Reeira). Certo é que o Pratodomundo manterá a homenagem a Cascudo a partir do livro A História da Alimentação no Brasil’ e fará também diferença com premiação para a melhor meladinha!

Tarcio acredita em duas hipóteses para a pouca adesão dos bares. A primeira é o descrédito deixado pela última gestão, que não divulgou resultado e, claro, não pagou a premiação. A segunda é alguma regra para validar a homenagem a Cascudo, que ele não sabe ao certo qual é, que possa ter inibido essa participação.

Apesar da crise os dois eventos serão realizados e pagos. Difícil falar em falta de planejamento, já que a FJA suspendeu de última hora a ajuda prometida. Se o Carnabeco quebrou a tradição da tiração de onda com o Carnatal, manteve a tradição de mais um ano de evento, inclusive com a também tradicional arte do cartaz. Se o Pratodomundo não terá tantos bares envolvidos, pelo menos honrará seus compromissos e ainda com um showzinho para animar a galera.

É isso. Este sábado será movimentado no Beco!

FOTO: Tela de Franklin Serrão

Jornalista por opção, Pai apaixonado. Adora macarrão com paçoca. Faz um molho de tomate supimpa. No boteco, na praia ou numa casinha de sapê, um Belchior, um McCartney e um reggaezin vão bem. Capricorniano com ascendência no cuscuz. Mergulha de cabeça, mas só depois de conhecer a fundura do lago. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + dez =

ao topo