Crônica

Do otimismo
Eu apena queria que você oube e Que aquela alegria ainda e tá comigo E que a minha ternura não ficou na e trada Não ficou no tempo pre a na poeira Gonzaguinha Co tumo dizer que ou uma...
Continue lendo
Boi
Pen ava, à veze , e não eria melhor viver alienado Comer, dormir, trabalhar, trepar Po tar elfie  Ave, Narci o! Fra e de Clarice, que não ão de Clarice A felicidade da rede...
Continue lendo
As lagartas
Naquele tempo havia a lagarta que chegavam com a chuva Dizia- e dela : -a lagarta do coqueiro !, po to que nele viviam e de ua folha alimentavam- e Eram gorduchinha e go to a de tocar E...
Continue lendo
Go to TOP