Destaque

A batalha da mulher é constante pela liberdade e igualdade de direitos, mas a luta de Lúcia Tavares excede o limite do gênero. Ela quer resgatar um povo inteiro e faz isso como sobrevivente de uma tribo que diziam ter sido dizimada e à luz de uma guerreira assassinada brutalmente apenas por ser indígena. A […]

Continuar Lendo

Fotografia de capa: Franklin Levy. Decidi, um dia, escrever uma tese sobre o livro Escrituras Sangradas, de Civone Medeiros, orientada pelo professor PhD em filosofia Eduardo Pellejero, UFRN. Este é o primeiro ensaio que publico depois de quase cinco anos de pausa, em agradecimento ao acolhimento dado por este homem-filósofo, as fotografias gentilmente cedidas pelo […]

Continuar Lendo

Conta-se que, quando Nikita Krushchev pronunciou seu famoso discurso secreto durante o vigésimo congresso do PCURSS denunciando os crimes de Stálin, alguns delegados do partido chegaram a cometer suicídio, enquanto um outro tanto enfartava diante da revelação daquilo que todo mundo, ao menos na União Soviética, sabia, mas fingia não saber. Como qualquer evento traumático, […]

Continuar Lendo

Imagem: 3×4 Fotografia “Ela sabe ser forte e não foi a sorte que a fez seguir Pôs sua voz como um grito por todas que estavam à sombra de ser” Talma&Gadelha – Trecho da música “Grita” Eu gostaria de me apresentar. Meu nome é Ana Morena Tavares. Sou musicista, produtora e empreendedora cultural há mais […]

Continuar Lendo

Fotografia: Natália Kikuchi Quando em uma tarde agradável de janeiro encontrei Conrado, quem, diga-se de passagem, não via há dez anos, confesso que fiquei curioso para saber o motivo do repentino encontro.  O mesmo me faz um Convite para me juntar a equipe do Substantivo plural, já me trazendo a noticia da participação de pessoas […]

Continuar Lendo

Fotografias: Rayssa Aline Um dos poemas mais belos que li de Zila Mamede se chama “Bois dormindo”. Nele, o leitor é convidado a vislumbrar um “destino não de bois mas de meninos/ libertos que vadiassem chão de feno”, numa bela e utópica imagem de liberdade plenamente possível no reino dos sonhos. E se, no universo […]

Continuar Lendo

Entre as muitas coisas profundas que Sartre disse, essa é a que mais amo: não importa o que fizeram com você. O que importa é o que você faz com aquilo que fizeram com você. Rubem Alves Dos 15 aos 16 anos, ela trabalhou numa barraca de feira. Além de atuar como vendedora ambulante, ajudava […]

Continuar Lendo

No artigo “Breve resumo da literatura norte-rio-grandense” (A Imprensa, 18 jun. 1922), Câmara Cascudo afirmava: “Com noventa anos de literatura (do primeiro jornal em 1832 a hoje) possuímos meia dúzia, se tanto, de livros em prosa”.  Sete anos depois, em outro artigo (“Para fazer um romance…”, A República, 08 dez. 1929), o então Príncipe do […]

Continuar Lendo

A casa-grande da Fazenda Horizonte tem sido um lugar de refúgio para minhas leituras e escritas. Sempre que ali retorno, apesar de o calor maltratar impiedosamente a minha pele − a temperatura ultrapassa os 40 graus centígrados, derretendo os miolos dos seres acostumados com a brisa do litoral − releio com olhos de encantamento uma […]

Continuar Lendo
Vá para Topo