Literatura

Existem escritores que suplantam a própria obra – que a ultrapassam e a engolem. Existem escritores de todos os tipos. Alguns, como Raduan Nassar, ou Dalton Trevisan, se escondem sob a obra, como meninos emburrados e teimosos, que renegam seus tesouros. Outros, como Clarice Lispector ou João Gilberto Noll, a ela se misturam para sempre; […]

Continuar Lendo

Há 10 anos foi comemorado o centenário do escritor Machado de Assis, com a reedição de sua obra, biografias, debates e novos estudos. A fortuna crítica do nosso maior escritor não pára de crescer. Machado é quase uma unanimidade nacional. Digo quase, pois nem sempre a crítica lhe foi favorável. Nesse ensaio lembramos de algumas […]

Continuar Lendo

Luís Carlos Guimarães (1934–2001) inventava ou modelava histórias, que despertavam o bom humor e o espírito. O poeta dizia investir em amizades. Teve lucro. A sua aplicação rendeu-lhe muitos amigos devotados, admiração unânime em nossa cidade e em muitas pessoas de qualidade no País. Esse poeta do Brasil não teve, como merecia, o reconhecimento nacional, […]

Continuar Lendo

A suavidade do amanhecer sempre teima em sepultar os cadáveres insepultos da noite. *** Todo tratado de paz esconde, nas entrelinhas, o anúncio dos motivos da próxima declaração de guerra. — Hélas!… *** Sabia tanto (pelo menos, assim se julgava), que passou a não ficar atento aos novos sinais de mudança. Foi surpreendido pelo seu […]

Continuar Lendo

Comemoração do Bloomsday Há trinta e dois anos é comemorado o Bloomsday em Natal. Participo das comemorações desde a prima volta como ouvinte, conferencista, curador e, sobretudo, como entusiasta desse grande-dia em homenagem a James Joyce. Para comemorar o Bloomsday 2018, reuni alguns textos escritos durante esse tempo. Onde misturo a Irlanda com Natal e […]

Continuar Lendo

O ANJO DEVASSO, de Antonio Stélio ( Natal: Sebo Vermelho Edições, 2016). Biografia romanceada de Juvenal Antunes (1883- 1941), poeta, cuja glória se divide por dois Estados: Rio Grande do Norte, onde nasceu e se criou, e Acre, onde viveu a maior parte da sua vida. Foi no Acre que ele se consagrou como poeta, […]

Continuar Lendo
Vá para Topo