Chris Ware

O americano Chris Ware é um sujeito particular – apesar da postura saudável e do sorriso miúdo escondido no canto da boca, como se pode observar na foto abaixo, ele ostenta uma incrível melancolia e baixa autoestima quando fala sobre seu trabalho. “Durante os exatos 27 minutos que durou nossa conversa, ele disse ‘Sinto muito’ oito vezes e ‘Não fique triste comigo’ outras cinco”, comentou o graphic designer americano Chip Kidd. “Para mim, ele disse temer que o livro não fizesse sucesso no Brasil”, emendou André Conti, editor responsável pelo selo de histórias em quadrinhos da Companhia das Letras.

aqui

ao topo