Cineclube no TCP

Neste domingo, o Cineclube Natal apresentará a produção alemã O Enigma de Kaspar Hauser, do diretor Werner Herzog. A sessão começará às 17h. As entradas para a sessão custam R$ 2.O filme conta a triste saga de Kaspar Hauser, um jovem que foi trancado a vida inteira num cativeiro, desconhecendo toda a existência exterior. Quando ele é solto nas ruas sem motivo aparente, a sociedade se organiza para ajudar Kaspar, que sequer conseguia falar ou andar, mas este logo acaba se tornando uma atração popular. O filme é baseado livremente numa história real. Um dado peculiar: a interpretação é de um ator amador: Bruno S. Ele passou toda sua juventude em instituições para doentes mentais e foi visto por Herzog em um documentário.

O filme também reflete sobre a influência da linguagem e do histórico cultural na percepção da realidade. O Enigma de Kaspar Hauser é tema de discussão na filosofia, ciências sociais e antropologia há muito tempo. Entre os tópicos decorrentes da análise do filme estão a prática social condicionada, o convívio social como construtor da identidade psicológica do homem, o conflito entre persona e sociedade, além de infinitos paralelos com correntes filosóficas de grandes pensadores. Não conheço o diretor ou o filme. Mas pela sinopse achei o filme totalmente inclinado a reproduzir a teoria do Mito da Caverna, de Plantão. Me parece bastante interessante.

Comments

Be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP