Clássicos em e-book

Por Josélia Aguiar
FSP

Os cem clássicos brasileiros mais populares vão ser escolhidos pela Fundação Biblioteca Nacional para lançá-los em e-book. Em até dois anos, cerca de 4.500 obras de referência adquirem esse formato para serem lidas por empréstimo on-line. Em outra frente, a casa tem como meta digitalizar, no mesmo prazo, dez vezes o volume de títulos que está on-line. São hoje 23 mil peças, entre obras raras e periódicos em domínio público – ainda é pouco, ante os 9 milhões que constituem seu acervo.

O começo da entrega, em lotes, será em setembro, quando entram no ar obras do historiador argentino Pedro de Angelis, do século 19. Desconhecido por aqui, é ilustre em seu país natal, que faz tempo pede acesso a esses títulos. O gesto simpático à Argentina é para lembrar o nosso “protagonismo” na América do Sul, diz Galeno Amorim, o presidente.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo