Confira a programação do Dia do Artista Plástico montada pela Funcarte para esta sexta

Para festejar o Dia do Artista Plástico (8 de maio), a Funcarte organizou programação contemplando exposições e também a discussão de temas relevantes sobre o segmento em Natal.

A programação começa às 11h desta sexta-feira (8), com exposição na Galeria Newton Navarro, sede da Funcarte, apresentando à população parte do acervo da Secretaria Municipal de Cultura. Obras dos mais importantes artistas potiguares estarão na galeria.

O público terá a oportunidade de ver obras de nomes consagrados na história das Artes Plásticas do Rio Grande do Norte. A partir do próprio Newton Navarro, passando por nomes como Dorian Gray, Leopoldo Nelson, Tomé Filgueira, Marcelus Bob, Sayonara Pinheiro, Jomar Jackson e Carlos Humberto Dantas. Todas estas obras são históricas e fazem parte do acervo municipal.

A partir das 19h, também na sede da Funcarte (avenida Câmara Cascudo, Cidade Alta), haverá mesa redonda discutindo temas pontuais do segmento em Natal. O primeiro assunto a ser debatido pelos artistas será o formato a ser adotado para o Salão de Artes Visuais de 2015.

Em seguida será abordada a regulamentação da lei municipal que prevê a exposição de pelo menos uma obra de arte em todo prédio recém construído em Natal. A Lei prevê também que a obra de arte deve ser de artista potiguar e ficar exposta em áreas comuns do prédio.

Participam do debate os artistas Flávio Freitas (Diretor do Núcleo de Artes Integradas da Funcarte) e Roberto Medeiros e os arquitetos Fabrício Amorim, da IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil-RN) e Néio Archanjo, membro do Complan – Conselho Municipal de Planejamento de Natal.

Sobre o Dia do Artista Plástico
O 8 de maio é reservado para as comemorações do Dia do Artista Plástico desde 1950. A data foi escolhida em homenagem ao pintor José Ferraz de Almeida, um dos artistas brasileiros mais importantes do século 19, que nasceu neste 8 de maio.

José Ferraz de Almeida nasceu em 1850 e no seu centenário os artistas decidiram homenagear seu nascimento com esta data festiva. José Ferraz de Almeida entrou para a Academia Imperial de Belas Artes aos 19 anos, foi aluno de Jules Lê Chevrel, Victor Meirelles e Pedro Américo. Em 1876, recebeu uma bolsa de estudos do Imperador dom Pedro II e seguiu para Paris, onde participou da exposição arte mais importantes da época, o Salon Offíciel dês Artistes Français. O pintor produziu cerca de 300 obras, e entre seus quadros mais famosos estão Violeiro, Picando Fumo e Caipiras Negociando, que retratam o dia-a-dia do homem do campo. Almeida Júnior morreu assassinado dia 13 de novembro de 1899, em Piracicaba (SP). Em 1950, 8 de maio foi oficializado como Dia do Artista Plástico Brasileiro.

Jornalista por opção, Pai apaixonado. Adora macarrão com paçoca. Faz um molho de tomate supimpa. No boteco, na praia ou numa casinha de sapê, um Belchior, um McCartney e um reggaezin vão bem. Capricorniano com ascendência no cuscuz. Mergulha de cabeça, mas só depois de conhecer a fundura do lago. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

There is 1 comment for this article
  1. fabio di ojuara 8 de maio de 2015 4:59

    nesse dia mundial do artista plastico eu to aqui em Veneza participando do maio evento artistico do mundo a 56 bienal de veneza, ninguem se habilita a fazer uma materia jornalistica comigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo