Coreógrafo francês Roland Petit morre aos 87 anos

O GLOBO

O aclamado coreógrafo francês Roland Petit, cujas criações deslumbraram palcos de Paris a Hollywood e inspiraram bailarinos, escritores e estilistas, morreu, aos 87 anos, em Genebra, na Suíça. Sua morte foi anunciada neste domingo pela Ópera Nacional de Paris.

O ministro da Cultura francês, Frederic Mitterrand, prestou homenagem a Petit e disse que alguns de seus trabalhos foram capazes de reunir Yves Saint-Laurent nos figurinos, Picasso na cenografia e ainda a poesia de Jacques Prevert.

Ele criou 11 trabalhos para a Ópera de Paris, incuindo “O corcunda de Notre Dame”, criou coreografias para Rudolf Nureyev e Margot Fonteyn, além de trabalhar para Hollywood em filmes como “Papai pernilongo”, estrelado por Fred Astaires.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 11 =

ao topo