Corrupção, motos e contínuos

Por Homero Fonseca

Em meados dos anos 50, o Barão de Itararé (Aparício Torelly) deu uma definição do sistema vigente no Brasil em seu Almanaque:

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − onze =

ao topo