CURTINHAS: Novas serestas, Banda Anos 60, Samba, site do TAM, Between, Anna Maria Cascudo e mais

**** O Instituto Potiguar de Juventude pela Cidadania, via emenda do deputado Kelps Lima, lançam nesta quinta o projeto Música nos Lares Potiguares. Serão seis cortejos musicais até dezembro em diferentes bairros de Natal e com homenagem a artistas residentes nesses bairros. Tudo no formato da boa seresta e com músicos locais. A lembrar outro projeto, o Serestas ao Luar (FOTO), realizado com sucesso em Natal. E já sugiro Pedrinho Mendes no meu saudoso Barro Vermelho!

**** O músico e baixista da Banda Anos 60, Serginho Araújo, morreu na noite desta segunda-feira, vítima de um infarto fulminante. Serginho tinha 62 anos e há 25 participava da formação da banda. Só vi a notícia no blog de Leonardo Sodré.

**** Hoje será feita homenagem à memória da escritora Anna Maria Cascudo na Academia Norte-rio-grandense de Letras, a partir das 16h. Suas filhas, Daliana e Camilla Cascudo, farão dueto de perguntas-respostas, destacando o pensamento materno registrado em “Livro das Revelações”.

**** Nesta sexta, a partir das 18h, na galeria do Between (Largo do Atheneu) ocorrerá o lançamento do livro “Filho do Amor – A história de Guido” das psicólogas Geórgia Hackradt e Alessandra Macedo, além da ilustradora Jackie Monteiro. O livro tenta elucidar questões relativas à adoção de crianças.

**** Também nesta sexta, Helder Gomes será atração no Bardallos, às 21h. Ingresso a R$ 10 com direito a uma cerva de 300 ml.

**** A novela do site do Teatro Alberto Maranhão está próxima do fim. Falta só inserir a programação. Nem estipulo mais data. Ô rolé!

**** Aliás, no site já está formatado uma seção com 10 perguntas fixas aos nossos fazedores do teatro potiguar. O site abrirá já com 3 deles: Rodrigo Bruggemann, Junior Dalberto e Sônia Santos. Outras duas já estão no gatilho para as próximas semanas. Excelentes histórias e uma curiosidade: na pergunta sobre o melhor espetáculo já visto, todos responderam peças do Clowns de Shakespeare!

**** A última assembleia da Sociedade Anônima do Beco não teve uma ata sequer. É a bagunça libertária do Beco. Tudo ilegal!

**** Aliás, das eleições para a nova diretoria, tudo indica que Tarcio Fontenelle será o próximo mandachuva da entidade. Os possíveis candidatos: Augusto Lula, Alex Gurgel, Eduardo Alexandre e Plínio Sanderson, negaram disputa. Mas até lá muita lama bequiana vai rolar.

**** Através da iniciativa pioneira do professor Cláudio Cavalcante, licenciado em Educação Artística pela UFRN, os alunos do Centro Educacional Profissionalizante Jessé Pinto Freire, Syntia Rosf Elie, 18, e Guilherme Zenon, 16 participam da primeira turma da Oficina de Artes da escola e já são apontados como potenciais integrantes de uma novíssima geração de artistas visuais. Nesta quinta, às 19h, na galeria Abraham Palatnik (mezanino do Mercado de Petrópolis), o grupo dará início à exposição “Impressões”, que permanecerá em cartaz por um mês.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo