CURTINHAS: Talma&Gadelha, nomeações na Zé Gugu, jornalismo, site do TAM, Viva Costeira, Casa da Ribeira e mais

*** Escutei na correria o terceiro e novo algum do Talma&Gadelha e parece muito, muito bom mesmo. Já vão em 12 mil download gratuitos! Quem quiser é só clicar AQUI. E uma curiosidade: a mocinha na capa do disco se chama Mira e é a namorada do guitarrista Henrique Gela, que mora na Suíça – foto antiga, claro.

*** Na Fundação Zé Gugu, novas nomeações: Aluisio Teixeira e Felippe Odécio Pinheiro nomeados Subcoordenadores, e José Messias Domingos, Coordenador. E mais uma ruma de agente de cultura.

*** O livro ‘Redinha: Um mar de tradição’, que contará muito da história da ‘praia bonita’, como a intitulou Cascudo, deverá ser lançado no meio do ano. O projeto, aprovado no FIC 2014, encontra-se no setor jurídico. Ainda percorrerá o financeiro da Funcarte e a Controladoria. Verba disponibilizada em uns dois meses. Tempo para concluir algumas lacunas.

*** Cachê da apresentação de Khrystal no último dia 8 de março, pela Travessia Poética, já foi publicado no DOE. Claro, não significa pagamento, mas foi bem rápida a oficialização. Na Funcarte, contrariando a eficácia da gestão, tem demorado bastante.

*** Texto massa do colega jornalista Fábio Farias sobre o Novo Jornal (veja AQUI). Opinião que ratifica muito do que eu disse no post sobre o diploma de jornalista (veja AQUI).

*** Está em curso a confecção de um novo, moderno e funcional site para o Teatro Alberto Maranhão. Deverá ficar bem parecido com o layout deste Substantivo. Destaque para a programação e notícias. Estimativa é de que até o Dia do Teatro, em 27 de março, ele entre no ar.

*** “Corpos descartáveis no gramado; resquícios de algo que acabou. No chão das cidades há sempre o fim de alguma coisa, nunca o começo”. De Daniel Liberalino, no livro Corpúsculo Num Plano. O cara é foda.

*** Está mesmo em curso e praticamente oficializada uma terceira chapa para concorrer na próxima eleição da Sociedade dos Quase Amigos do Beco da Lama. Três chapas atrás de sarna para se coçar.

*** O Projeto Viva Costeira, capitaneado pela secretaria estadual de Turismo, vai contratar uma empresa de eventos para captar patrocínio. O bom disso tudo é que terá um palco para apresentações artísticas, todo domingo!

*** A Casa da Ribeira dá continuidade a sua programação de aniversário com a apresentação de mais quatro atrações neste fim de semana. Na sexta-feira, o grupo Carmin encena “Jacy”, às 20h30. No sábado será a vez de “Bestiário”, de Vinicius Souza (MG), também às 20h30. Ambas as atrações custarão R$ 30 (inteira). No domingo (15), programação gratuita com apresentação de “Etéreo”, de René Loui, às 18h30; e ainda a leitura dramática “Três Tigres Tristes”, de Vinícius Souza (MG), às 19h30. O aniversário da Casa da Ribeira tem patrocínio da Fecomércio RN e do SESC RN, com a colaboração da Croqui Biro de Serviços.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − 4 =

ao topo