De quem é o petróleo?

O petróleo é nosso, das multinacionais petroleiras norte-americanas ou da terra?

Minha posição é que o petróleo é da terra, consequentemente de todos os seres que habitam, consequentemente nosso (de todas as pessoas, brasileiras e não), consequentemente não privatizável sob qualquer condição pelo capital corporativo de qualquer nacionalidade.

A terra não deveria ser estuprada para saca-lo, mas já que o é e a luta para que não o seja mais vai demorar em se tornar consenso hegemônico, a única posição ética e politicamente aceitável no debate sobre quem deve ter o direito legítimo de extrai-lo e processa-lo é o povo em cujo território ele – por acaso – se encontra. Como o Pré-Sal se encontra em território brasileiro, a exclusividade de sua extração e utilização deve ser do povo brasileiro. E como o povo brasileiro, por enquanto, não desenvolveu sistemas de auto-gestão popular, horizontal e participativa do comum, cabe ao Estado brasileiro assumir temporariamente esse papel, por meio de sua empresa petroleira estatal.

Resumindo: só a Petrobras, por enquanto, deve ter o direito de “explorar” (a palavra é horrorosa e violenta, eu sei, mas afinal se trata disso… pelo menos enquanto o modelo de desenvolvimento não mudar) o Pré-Sal. O resto é vergonhosa entrega do comum a máfias privadas estrangeiras.

Comments

Be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP