Dia do artista plástico

Pode ser desinformação minha, mas o Dia do Artista Plástico é hoje e a movimentação da categoria ainda é tímida. Lembro do ano passado uma programação, um alvoroço mais vasta com instalações espalhadas em vários espaços da cidade.

A prefeitura prepara um dia de mostras. A partir das 10h, haverá a comunicação Arte urgente e a Perfomance, por Dácio Bicudo, de São Paulo. Ainda na galeria da Capitania das Artes estará a Mostra Coletiva chamada Interativos e não-contemplativos.

O interessante é que a curadoria é de Plínio Sanderson, antigo desafeto do presidente da Funcarte, Dácio Galvão. O mundo dá voltas. Às 19h30, haverá homenagem póstuma ao artista plástico e professor Thomé Filgueira, com curadoria de Ricardo Veriano. E na seqüência, acontece o Coquetel de Congraçamento.

A Associação dos Artistas Plásticos Potiguares (AAPP) celebra a data com uma exposição coletiva na Pinacoteca do Estado – Palácio Potengi, a partir das 18 horas e fica em exposição até o dia 23 de maio. A AAPP tem procurado alavancar a categoria com promoção de bons eventos e cursos aos iniciantes nas artes plásticas. Mas falta articulação.

Não li o artigo semanal escrito pelos artistas plásticos Jean Sartief e Sânzia Pinheiro na TN. Talvez eles informassem alguma exposição adicional. Vicente Vitoriano pode comentar algo na coluna que sai amanhã no DN. Espero que sim. As artes plásticas do estado precisam aparecer, dar um salto, como tem ocorrido com outras vertentes da cultura. Talento existe. Falta é organização!

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo