Dostoiévski e Tolstoi: exacerbação e estranhamento

TOLSTOI, Leon. Guerra e paz. São Paulo: Cosac Naify, 2011 DOSTOIÉVSKI, Fiódor. O duplo. São Paulo: Editora 34, 2011 GOMIDE, Bruno (Org). Nova antologia do conto russo (1792-1998). São Paulo: Editora 34, 2011 Dostoiévski reconstrói depois da experiência do mal, Tolstói disseca para expor a voz da consciência, pondera Aurora Bernardini. Em Dostoiévski, o traço fundamental de sua obra é a exacerbação, e em Tolstoi, o estranhamento.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco − 2 =

ao topo