Entrevista com João Gilberto Noll

Por Carlos de Souza

Você acha que há uma tendência para substituir a grande narrativa por um novo tipo de obra literária?

Acho que sim. A velocidade dos tempos modernos pedem, sim, obras menos extensas, mais ágeis. Parece que não há mais aparato neurológico para seguir epopéias infindáveis.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × cinco =

ao topo