Entrevista com o diretor Andrzej Wajda

“Si nos reconciliamos con Alemania, nos podemos reconciliar con Rusia”

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + 16 =

ao topo