Epopeia de um homem comum, “Uma Viagem à Índia” retoma o modelo de “Os Lusíadas”

Maior revelação da literatura portuguesa dos últimos tempos, Gonçalo M. Tavares não tem medo de grandes desafios. Seu novo livro, “Uma Viagem à Índia”, é um exercício literário ambicioso, que junta poesia, filosofia, invenção narrativa e até um certo suspense.

aqui

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × três =

ao topo