A era do romance

Por Bruno Costa

eis que os relógios enlouqueceram
inclusive os britânicos
eis que o espaço foi preenchido por não lugares
e as fronteiras todas foram profanadas
eis que o mundo foi abandonado por deus
embora o Banco do Vaticano resista ao apocalipse
eis que da totalidade restaram apenas escombros
e os acionistas do amor estão todos falidos

 

Bruno Costa – 28.01.15

Comentários

Há 2 comentários para esta postagem
  1. Bruno Costa 25 de fevereiro de 2015 19:01

    Assim caminha…

  2. Danclads LIns de Andrade 31 de janeiro de 2015 17:19

    É Bruno Costa, e assim caminha a humanidade…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo