Estudo aponta que apenas quatro jornais dos EUA sobreviverão aos próximos cinco anos

NO PORTAL IMPRENSA

De acordo com o novo relatório do Center for the Digital Future (Centro para o Futuro Digital), da Escola de Comunicação e Jornalismo da University of Southern California, a maioria dos jornais impressos dos Estados Unidos desaparecerá no prazo de cinco anos, noticia o LA Weekly. As informações são do Knight Center for Journalism in the Americas.

O levantamento, divulgado na última quarta-feira (14), diz que apenas “alguns grandes jornais” continuarão existindo. “É provável que apenas quatro jornais grandes continuem em versão impressa: O The New York Times, o USA Today, o Washington Post e o Wall Street Journal. Por outro lado, os semanários locais poderiam sobreviver”.

Segundo a pesquisa, as redes sociais ainda “sofrem” com a falta de credibilidade de seu conteúdo. O estudo também aponta a substituição dos computadores por tablets nos próximos três anos.

“Em um extremo, temos usuários com habilidade de manter conexões sociais constantes, acesso ilimitado à informação e um poder aquisitivo sem precedentes. No outro, encontramos exigências extraordinárias para o nosso tempo, grandes preocupações com a privacidade e perguntas vitais sobre a proliferação da tecnologia – incluindo uma gama de problemas que não existiam há 10 anos”, disse o diretor do Centro para o Futuro Digital, Jeffrey Cole.

“Acreditamos que os Estados Unidos se encontram em um momento decisivo em termos digitais. Simplesmente, vemos enormes benefícios na tecnologia digital, mas também pagamos um preço pessoal por esses benefícios. A pergunta é: que preço estamos dispostos a pagar?”, acrescentou.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 3 =

ao topo