Eu sou a mosca que pousou na sua SOPA!

Por Sérgio Amadeu
NO BLOG TREZENTOS

Em tempos obscuros é preciso gritar: Toca Raul!

O grande Maluco Beleza, ideólogo da sociedade alternativa, mostrou que a censura truculenta dos militares, nos anos 70, foi incapaz de bloquear a inteligência da pequenina mosca.

“Mosca” tocava no rádio e estimulava aqueles que acreditavam na superioridade da inteligência conectada, fugidia, veloz, nômade, pequena, mas fustigante. A inteligência coletiva dos micro e nanocorpos venceu o terrorismo de Estado!
Diante do obscurantismo da indústria do copyright, do lado oculto da força norte-americana, das mentes proprietárias que invadem quintais, dos seus tentáculos no MINC das Anas de Amsterdam, dos seus capatazes do ECAD do Sul…
Diante dos ataques ao compartilhamento de arquivos digitais, à remixagem, às práticas recombinantes, à inteligência colaborativa, às redes P2P…

Encarando a ameaça da aprovação do projeto de lei Stop Online Piracy Act, a SOPA, nada melhor do que nosso manifesto remixado! Somos a mosca que pousou na sua SOPA!

Mosca Na Sopa
Raul Seixas

Eu sou a mosca
Que pousou em sua sopa
Eu sou a mosca
Que pintou prá lhe abusar…(3x)

Eu sou a mosca
Que perturba o seu sono
Eu sou a mosca
No seu quarto a zumbizar…(2x)

E não adianta
Vir me detetizar
Pois nem o DDT
Pode assim me exterminar
Porque você mata uma
E vem outra em meu lugar…

Eu sou a mosca
Que pousou em sua sopa
Eu sou a mosca
Que pintou prá lhe abusar…(2x)

-”Atenção, eu sou a mosca
A grande mosca
A mosca que perturba o seu sono
Eu sou a mosca no seu quarto
A zum-zum-zumbizar
Observando e abusando
Olha do outro lado agora
Eu tô sempre junto de você
Água mole em pedra dura
Tanto bate até que fura
Quem, quem é?
A mosca, meu irmão!”

Eu sou a mosca
Que posou em sua sopa
Eu sou a mosca
Que pintou prá lhe abusar…(2x)

E não adianta
Vir me detetizar
Pois nem o DDT
Pode assim me exterminar
Porque você mata uma
E vem outra em meu lugar…

Eu sou a mosca
Que pousou em sua sopa

Eu sou a mosca
Que pintou prá lhe abusar…(2x)

Eu sou a mosca
Que perturba o seu sono
Eu sou a mosca
No seu quarto a zumbizar…(2x)

Mas eu sou a mosca
Que pousou em sua sopa
Eu sou a mosca
Que pintou prá lhe abusar…

ESTE É O NOSSO MANIFESTO EM DEFESA DA CULTURA DO COMPARTILHAMENTO E DA LIBERDADE NA REDE.
REDES P2P SÃO MOSCAS NA SOPA!

Comments

Be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP