Europa condena morte de dissidente cubano

“O Parlamento Europeu aprovou por ampla maioria uma resolução que condena a “inevitável e cruel” morte do dissidente Orlando Zapata e alertou contra o “fatal desenlace” que poderia haver para a greve de fome que outro preso político, Guillhermo Fariñas, realiza, segundo a agência AFP”.

aqui

ao topo