Existe uma ditadura hétero?

Caros amigos:

Tem argumentos homofóbicos que seriam cômicos se não fossem trágicos. E reforçam um sexismo babaca. Afinal, ninguém é obrigado, por enquanto, a ser gay nem hétero, que eu saiba. Que tal pensar que sexo é bom desde que não moleste os direitos de ninguém? Eu até penso que deve haver legislação que proteja crianças e outros setores da população de exploração sexual. Mas fomentar o preconceito é o que há. Mirem-se no exemplo nazista: matavam gays. Tem gente com saudades do Quarto Reich.

Abraços:

Nasci em Natal (1950). Vivo em São Paulo desde 1970. Estudei História e Artes Visuais. Escrevo sobre História (Imprensa, Artes Visuais, Cinema Literatura, Ensino). Traduzo poemas e letras de canções (do inglês e do francês). Publiquei lvros pelas editoras Brasiliense, Marco Zero, Papirus, Paz e Terra, Perspectiva, EDUFRN e EDUFRJ. Canto música popular. Nado e malho [ Ver todos os artigos ]

Go to TOP