Fernando Vallejo ganha prémio Romance 2011

NO PÚBLICO

O escritor colombiano Fernando Vallejo, autor de romances como “A Virgem dos Sicários”, ganhou o Prémio Feira Internacional do Livro de Guadalajara de Romance 2011, anunciou ontem o porta-voz do júri, o mexicano Jorge Volpi.

O galardão, no valor de 150 mil dólares (103 mil euros), será entregue a 26 de Novembro, na XXVI edição da Feira Internacional do Livro de Guadalajara, a mais importante do sector no mundo de língua espanhola.

Vallejo “é uma das vozes mais pessoais, controversas e exuberantes da literatura actual em espanhol”, declarou Volpi, lendo a acta do júri, que premiou Vallejo. “A sua escrita gira em torno de um único tema, a Colômbia, mas na realidade é uma viagem garrida e comprometida pelos conflitos do ser humano, desde a denúncia ao desencanto, passando por uma difícil ternura que, às vezes, é também entendida como agressão ou inconformismo”, prosseguiu.

“Nunca esperei que me dessem prémios, acho que me ficam muito grandes. Vou utilizá-los para uma causa nobre”, disse o escritor colombiano de 68 anos, que vive na Cidade do México. O tema do próximo livro será as conclusões sobre a vida, que tem feito até agora que está a chegar ao seu final. E prometeu contar algumas dessas conclusões na cerimónia de entrega do prémio.

Escritor e cineasta nascido em 1942 em Medellín, na Colômbia, e naturalizado mexicano desde 2007, Vallejo escreveu nove romances, três livros de ensaio, uma gramática da linguagem literária e duas biografias de poetas colombianos (José Asunción Silva e Porfirio Barba Jacob). A sua obra mereceu-lhe várias distinções, entre as quais o Prémio Rómulo Gallegos 2003, um dos mais importantes de língua espanhola, pelo livro “O Despenhadeiro”. Em Portugal, “A Virgem dos Sicários” foi editada pela Teorema

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo