Filmes polêmicos

Lista pra lá de discutível publicada no UOL. A pretensão começa pelo título: “Confira os 10 filmes mais controversos e polêmicos do cinema”. Ninguém comenta ou oferece mais detalhes sobre a seleção. Uma coisa é percebida de imediato: a opção por filmes contemporâneos, da década de 70 pra cá (exceções, parece-me, são “Cão Andaluz” e “Salô”). Segue a lista:

Anticristo
1. Anticristo, dirigido por Lars Von Trier (Dogville), leva cenas de mutilações, morte de uma criança, sexo explícito e até o aborto de um animal. Como protagonistas, Charlotte Gainsbourg e Willem Dafoe.

Laranja Mecânica
2. Tachado de ultraviolento, o filme Laranja Mecânica (1971) foi inspirado no livro homônimo de Anthony Burgess. Dirigido por Stanley Kubrick, o longa narra o percurso de Alex, um garoto que faz parte de uma gangue e que, sem escrúpulos, abusa dos outros.

Kids
3. Lançado em 1995 e dirigido por Larry Clark, Kids chocou uma geração ao mostrar o estilo de vida hedonista e autodestrutivo da juventude nova-iorquina. Drogas, sexo e o risco de contaminação pelo vírus HIV são alguns dos temas deste longa.

Trainspottingtoilet
4. Trainspotting (1996), do mesmo diretor de “Quem Quer Ser um Milionário?”, Danny Boyle, mostra a história de um grupo de jovens viciados em heroína, na Escócia. O filme gerou polêmica e foi acusado de fazer apologia às drogas.

Carrie
5. Carrie, a Estranha é outro clássico do terror e mostra uma garota, vivida por Sissy Spaceak, que possui poderes paranormais, é menosprezada por seus colegas e possui uma mãe fanática religiosa e repressora. Até o dia que ela resolve se rebelar…

Exorcista
6. O Exorcista (1973), um dos clássicos do terror, mostra a história de uma garota (Linda Blair) possuída pelo demônio. Para libertar a menina do mal, sua mãe chama o padre Lankester Merrin, especialista em exorcismo.

Ùltimo Tango em Paris
7. Filmado por Bernardo Bertolucci, o filme Último Tango em Paris mostra a relação conflituosa, destrutiva e extremamente sexual de Paul (Marlon Brando) e Jeanne (Maria Schneider).

Cão Andaluz
8. Um Cão Andaluz, de Luiz Buñuel e Salvador Dalí, possui uma das cenas mais agonizantes do cinema. Inspirado em conceitos da psicanálise, o filme mostra de maneira explícita um homem cortando os olhos de uma mulher com uma navalha.

Irreversível
9. Irreversível (2002) mostra a história do casal Vincent Cassel e Monica Belucci, que tem sua vida virada de cabeça para baixo após a mulher ser estuprada. A cena do estupro é uma das mais longas do cinema e angustiante.

Salô
10. Baseado no livro do Marquês de Sade, o filme Saló – 120 Dias de Sodoma é apontado por críticos como um dos filmes mais perturbadores do cinema. Ambientado na Itália fascista, onde quatro oficiais do governo aprisionam e abusam intensamente de jovens.

ao topo