FOTOGRAFIA: A fé que remove montanhas também rende fotografias magistrais

As montanhas que a fé remove são a metáfora dos nossos males. E são eles, mais das vezes, que nos levam à fé. É esse caminho repleto de angústias, crenças e até tradições que o experiente repórter fotográfico Pacífico Medeiros captou em Mossoró, Areia Branca e Canindé/CE, onde o comércio também se mistura à crença popular. “O que me faz acreditar em alg, quando meu caminho não me leva mais a lugar nenhum? O que me faz crer em alg, quando minhas procuras já cansaram? Retratar a fé é a busca de documentar essas questões que o homem procurar para o alívio de suas dores”, conta Pacífico, que já publicou seu trabalho em revistas como a Veja, a Isto É e jornais como a Folha de SP e Estadão. Hoje radicado em Mossoró, o fotógrafo trabalha também como educador de fotografia e identidade em um projeto social. Segue para livre apreciação mais uma seção fotográfica!

unnamed (3)

unnamed (2)

unnamed (1)

unnamed (6)

unnamed (4)

unnamed (11)

unnamed (10)

unnamed (5)

unnamed (9)

unnamed (8)

unnamed (7)

Jornalista por opção, Pai apaixonado. Adora macarrão com paçoca. Faz um molho de tomate supimpa. No boteco, na praia ou numa casinha de sapê, um Belchior, um McCartney e um reggaezin vão bem. Capricorniano com ascendência no cuscuz. Mergulha de cabeça, mas só depois de conhecer a fundura do lago. [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − 9 =

ao topo