Hans Magnus Enzensberger faz 80 anos

hans“Hans Magnus Enzensberger não quer falar sobre isso (como informou comunicado de sua editora), mas não há nada que ele possa fazer contra: nesta quarta-feira (11.11), o escritor, que não é muito de comemorar aniversários, completa 80 anos. Avesso a entrevistas, Enzensberger teria muito a dizer: desde a sua estreia na literatura, 52 anos atrás, com a publicação do livro de poemas “Defesa dos Lobos”, o premiado escritor influencia decisamente o debate literário e intelectual na Alemanha.

Versátil, Enzensberger já produziu em praticamente todos os gêneros literários. Ex-membro do famoso Grupo 47 – grupo de autores e críticos alemães que tinham como objetivo revitalizar a literatura do pós-guerra no país – também escreveu diversos romances. Com sua lírica e seus ensaios, ele expôs de forma “friamente inoxerável” a consciência do pós-guerra, da sociedade e das condições que levaram a ela.

Por ter sido um dos líderes do movimento estudantil e da intelectualidade da esquerda da Alemanha nos anos de 1960, Hans Magnus Enzensberger ficou durante muito tempo ligado à revolta estudantil. Todavia, com o crítico jornal “Kursbuch” ele emitiu suas mais importantes opiniões e tornou-se mais tarde, como escreveu no final dos anos 1980 o jornal “Frankfurter Allgemeine Zeitung’, um dos maiores críticos do “aconchego de esquerda” e um dos intelectuais alemães com maior ressonância no exterior.”

Go to TOP