Istambul Azul Turquesa

Mesquita Azul
Mesquita Azul – Istambul

Istambul, o melhor de dois mundos,
1453 vezes saqueada,
Retrata uma história
Azul turquesa,
Contada por sultões,
Vizires e faxineiros,
Em Hágias Sofias
E Mesquistas Azuis
Para gáudio
De Alá e Jeová.

Fugindo de bizantinas guerras,
Constantinoplastes a beleza,
Reunindo diversas gentes,
Em otomânica cultura,
Onde cultuas
Teus deuses,
E relatas
Em árabes
Ou latinas letras
Uma história milenar.

(Danclads Lins de Andrade).

Obs.: Poema inspirado no poema Homens Deuses – Istambul, de Marcos Silva.

Brasileiro, nordestino, alagoano, advogado, cidadão comum, simples habitante deste planeta decadente... Rs... [ Ver todos os artigos ]

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 1 =

ao topo