Justiça condena blogueira

Mais um absurdo atentado à liberdade de expressão patrocinado pela justiça brasileira. No Ceará, recentemente, e eu noticiei aqui, um juiz também condenou um blogueiro.

“A insatisfação de uma carioca com o atendimento de um médico se transformou em uma questão de liberdade de expressão na twitosfera brasileira . Tudo porque Cláudia Mello Belhassof, após ser obrigada a retirar do ar o post em que criticava o doutor, foi condenada a pagar indenização de R$ 2.940. Inconformados, dois amigos de Claudia tiveram uma ideia: criar uma ” vaquinha virtual ” para que todos os internautas que considerassem a decisão judicial um atentado à liberdade de expressão ajudassem a pagar a multa.”

aqui

ao topo