Lista dos 10 + da década

Depois das trevas vem a luz, já dizia Madonna. As famigeradas listas voltaram. De nada valem, claro. Sequer indicam referências. Ou a opinião de cinéfilos seriam iguais.

Tácito Costa colocou no Substantivo Plural a lista dos 100 melhores filmes dos anos 2000, publicados no New York Times. Dos 30 primeiros só assisti 13. E só um deles aparece na minha lista dos 10 mais, embora também tenha gostado muito do Escafandro e a Borboleta.

Listas são assim: chatas para quem lê e divertidas para quem faz. O colega Fábio Farias publicou os 10 melhores filmes dele na Revista Catorze, baseado na lista do NYT e acrescentou mais dois por fora. A minha foi aleatória. Partiu do gosto pessoal e da lembrança falha.

Afora os filmes – e para ser ainda mais chato – acrescentaria ainda a categoria Diretor da Década: Clint Eastwood. A lembrar: Sobre Meninos e Lobos, Menina de Ouro e Gran Torino. Medalha de prata para Lars Von Trier – Dogville, Dançando no Escuro e O Anticristo. Mr Scorcese ficaria com o bronze, por O Aviador e Os Infiltrados.

1. Gran Torino (2008) – Clint Eastwood
2. Dogville (2003) – Lars Von Trier
3. O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (2001) – Jean-Pierre Jeunet
4. Lavoura Arcaica (2001) – Luiz Fernando Carvalho
5. Dançando no Escuro (2000) – Lars Von Trier
6. Vicky Cristina Barcelona (2008) – Woody Allen
7. Réquiem Para um Sonho (2000) – Darren Aronofsky
8. Pequena Miss Sunchine (2006) – Jonathan Dayton
9. Mar Adentro (2004) – Alejandro Amenábar
10. Boa Noite Boa Sorte (2005) – George Clooney

Comentários

Seja o primeiro a comentar
  1. Moacy Cirne 13 de novembro de 2009 6:50

    Meu caro,
    também (re)publiquei os meus
    10 Mais. Privilegiei os filmes do circuitão. Um abraço.

  2. nuances do silencio 12 de novembro de 2009 23:51

    Caramba ainda não vi nenhum desses…estou mesmo sem ver filmes a um bom tempo, mas verei todos (ou tentarei)

  3. Breno 12 de novembro de 2009 21:58

    Legal a lista, vi 7 dos 10. No lugar do Réquiem para um sonho, escolheria Pí, do mesmo diretor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo