Listrata, na Casa da Ribeira

Achei bem interessante a trama desta peça, encenada na Casa da Ribeira hoje (não disseram o horário). O preçó único é R$ 5:

Representada pela primeira vez em 411 A.C., Lisistrata aborda um dos temas favoritos do autor Aristófanes: a paz. A guerra do Peloponeso continua ceifando vidas, fazendo viúvas, órfãs e mães desconsoladas. É nesse contexto que Lisistrata, uma mulher comum, movida por um desejo de ver seu marido de volta, resolve agir e fazer a diferença. Cansada de esperar, ela reúne as mulheres numa praça e faz o pacto que mudará o rumo de suas vidas. Lisistrata é uma palavra que vem do grego que significa, aquela que dissolve, separa exércitos. Assim como o seu nome, e como os gregos acreditavam, essa mulher estava com o seu destino traçado e foi até as últimas conseqüências para realizar o seu desejo. A força desta mulher nos faz refletir sobre a nossa postura diante dos obstáculos da vida, inspira um sentimento de coletividade e propõe a mudança através das pequenas ações do dia a dia. Afinal, “Até onde você vai pelo seu desejo?”

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ao topo