Literatura underground, ficção e experimentos dominaram o segundo dia do Flipipa

Por Cinthia Lopes e Yuno Silva

O Flipipa de sexta-feira começou e terminou bem, com debates bem diferentes mas que se completaram como uma refeição suculenta para o público ávido por histórias e conteúdos literários. Foi um bom começo as falas de Nayara Costa e Lívio Oliveira sobre a vida e a obra do poeta Ferreira Itajubá, suas particularidades e contextualizações.

aqui

Comments

There is 1 comment for this article
  1. Lívio Oliveira
    Lívio Oliveira 26 de Novembro de 2012 6:39

    A sintonia fina e a parceria amistosa com a eficiente e estudiosa Mayara Costa nos propiciou o momento feliz da homenagem ao grande Itajubá, poeta que fará parte da minha história até o fim dos meus dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP