Manoel de Oliveira

manoel

“O cineasta definiu o cinema como “espelho da vida” e “síntese de todas as artes”, mas ressaltou que ele tem limites, e que não tem a riqueza da literatura, “a expressão mais forte e de maior riqueza do ser humano”.

aqui

Go to TOP